ADMINISTRAÇÃO  


Mensalidade de entidade é investimento ( 11/11/2015 )

Mensalidade de entidade é investimento

Na esteira da tão propagada crise que o País atravessa, os cortes aparecem como saídas imediatas. São muitos os que alertam cautela na decisão de enxugar a coluna de saídas no caixa das empresas. O efeito cascata de uma redução pode ser danoso ao próprio negócio. Esta reflexão deve ser aplicada às mensalidades das entidades representativas, que normalmente são as primeiras a serem colocadas nas listas de cortes quando a situação econômica aperta.

São as entidades de classe, as associações e sindicatos, que podem dar vocal às demandas do setor e atuar para minimizar os estragos de medidas unilaterais que afetam os negócios. Como uma andorinha só não faz verão, individualmente as empresas não têm força para enfrentar os desafios diários. A representatividade coletiva tem mais condições de alcançar bons resultados com menores custos e há exemplos, como ações judiciais que conquistaram liminares aos associados.

Já operando com contas enxutas e equilibradas, as entidades dependem das mensalidades regulares para continuar prestando serviços com eficiência.

 
 VOLTAR