ADMINISTRAÇÃO  


Tributação do cut size muda a partir de janeiro ( 16/12/2016 )

Tributação do cut size muda a partir de janeiro, em São Paulo

O mercado de papel cut size vai começar 2017 com mudanças tributárias no estado de São Paulo. No dia 31 de dezembro vencem duas regras para cobrança do ICMS sobre o papel cortado – cut size, classificado no código NCM 4802.56 – a redução na base para 12% e o índice de cálculo do regime de substituição tributária.

As empresas do setor estão pleiteando junto ao governo do estado a prorrogação da alíquota reduzida de 18% para 12%, justificando que o aumento traria impacto nos preços, nas vendas e consequentemente na arrecadação. O benefício está previsto na legislação estadual do ICMS desde abril de 2012, sendo o último prazo estabelecido pelo Decreto 61.721, com vigência até o fim de 2016. A dezesseis dias do fim do prazo, representantes do setor de papel ainda se mobilizam para sensibilizar a Secretaria da Fazenda do Estado a não promover o aumento do imposto.

IVA - Substituição Tributária

O novo Índice de Valor Adicionado Setorial (IVA-ST) já foi divulgado pelo governo, pela Portaria CAT nº 111/16, publicada no dia 25 de novembro. A partir do dia 1° de janeiro de 2017, o IVA-ST passará dos atuais 37,82% para 33,17%.

Pelo regime de substituição tributária, instituído em abril de 2008, o fabricante ou importador é o responsável pela retenção e pagamento do ICMS incidente sobre a movimentação do papel até o consumo final. O cálculo do imposto devido nas operações dentro do estado será o preço praticado pelo sujeito passivo, incluídos os valores de frete, carreto, seguro, impostos e outros encargos transferíveis ao adquirente, acrescido do valor adicionado calculado mediante a multiplicação do preço praticado pelo IVA-ST.

A nova base de cálculo tem vigência até 30 de setembro de 2018. A partir desta data, o IVA-ST passará a 53,33%, caso entidade representativa do setor não apresente à Secretaria da Fazenda levantamento de preços com base em pesquisas realizadas por instituto especializado e de reputação idônea. O prazo para comprovação da contratação da pesquisa é 31 de dezembro de 2017.

 
 VOLTAR